quarta-feira, 3 de maio de 2017





Quando os meus pais foram à Irlanda [há quase um ano] trouxeram-me lã do tipo aran. A minha mãe assegurou-me que tinha trazido o suficiente para uma camisola, mas conforme ia tricotando achava sempre que não era suficiente – acabei por comprar o bege para acrescentar e no final ainda me sobrou lã. Não me lembro a quantidade de vezes que comecei e desmanchei esta blusa. No final voltei ao básico dos básicos.


A minha técnica a fazer camisolas continua a ser muito muito fraca.